Sombra – Saiba tudo sobre como usalas

Alguma instruções básicas para maquiar os olhos como “Defina o côncavo”, “Ilumine a área abaixo da sobrancelha”, “Faça um V para marcar o canto exterior”, entre muitas outras que veremos nos treinamentos, pois nem todo mundo tem os olhos iguais e as técnicas que funciona muito bem para uma pessoa pode ter um resultado indesejável para outra pessoa.

Aplicação da Sombra

Olhos Padrão

Em uma maquiagem básica aplique uma Sombra (de cor clara a mediana) na pálpebra inteira e contorne a linha dos cílios (superiores e inferiores) com a sombra mais escura. Defina o Côncavo. Una a marca do côncavo ao contorno dos cílios superiores numa marca “V”, mais reforçada com uma sombra mais escura, esfumaçando bem. A Make para olhos parecidos com os exemplos acima, é bem flexível. Escolha a uma técnica e se divirta.

Olhos Separados

Quando o rosto a ser maquiado tem os olhos separados podemos utilizar a técnica de criar a ilusão de proximidade, para isso basta utilizar uma sombra levemente mais escura reforçando o canto interno dos olhos, isso fará com que eles parecerão mais próximos. Faça o mesmo para o Côncavo, do canto do olho no máximo até o centro. Se desejar pode se criar uma “barreira ótica”, aplicando sombra mais escura também no canto externo dos olhos, com cuidado para não ultrapassar de maneira nenhuma os limites da pálpebra.

Olhos Juntos

Nesse caso, a maquiagem segue o procedimento oposto a dos olhos separados, o foco deve estar no canto externo dos olhos, para dar um efeito melhor. O Côncavo da metade dos olhos para fora, utilizando uma sombra escura ultrapassando os limites das pálpebras. Usa o Delineado do tipo “gatinho” também é uma boa técnica para alongar distância entre os olhos. O resultado será melhor se for feito somente da metade dos olhos para parte externa. Aplique Rímel preferencialmente nos cantos externos dos cílios. Não se esqueça de usar o iluminador no canto interno dos olhos, para aumentar mais ainda o efeito de distancia.

Olhos Grandes

Os olhos grandes e mais saltados podem ser diminuídos com efeitos de sombra e luz. Escureça todos os contornos dos olhos, começando pela linha d’água dos cílios superiores e exteriores. O côncavo e linha dos cílios devem ser feitos com uma sombra mais escura. A ideia é criar um efeito de sombras para parecer que os olhos estão mais profundos. O delineado pode ir do canto interno até ultrapassar o canto externo, tanto na pálpebra superior quanto na inferior, engrossando o traçado na direção de fora. A intenção é “achatar” um pouco os olhos.

Olhos Profundos

A técnica para olhos profundos é de “luz”, quanto mais iluminada melhor, por isso use uma sombra iluminadora em toda pálpebra. Você pode até escurecer um pouco a área do côncavo e o canto exterior dos olhos, mas sem marcar muito. Evite usar maquiagem escura nos cantos internos dos olhos, prefira iluminar essa área. Não use maquiagem muito luminosa logo a abaixo da sobrancelha, pois essa a área normalmente já é mais alta e destacada, nesse tipo de caso.

Olhos Pequenos

Já nos olhos pequenos devemos usar uma sombra luminosa por toda pálpebra e no canto externo uma sombra levemente mais escura. Aplique curvex de maneira intensa e rímel  principalmente no canto externo, para abrir bem o olhar. Não se esqueça de passar o rímel nos cílios inferiores também. Tome cuidado com o lápis preto na linha d’água, pois ele diminui ainda mais os olhos e nesse caso para delinear os olhos é melhor fazer por fora, tanto na linha dos cílios superiores quanto na inferior.

Olhos Cobertos

Nesse caso a pálpebra encoberta, côncavo escondido. Procure criar a impressão que tem mais pálpebra à mostra. Na aplicação dar cor escolhida para a pálpebra superior, procure ultrapassar o côncavo. Defina o côncavo mais alto que o normal. Na Pálpebra inferior, logo abaixo dos cílios, aplique a cor do canto externo somente até o centro dos olhos. Procure focar o delineador também do centro dos olhos até o canto externo, num traçado mais fino. Use o iluminador bem rente a sobrancelha, para colaborar com o efeito de pálpebras aumentadas.

Olhos Caídos

Nos casos de olhos caídos, principalmente no canto externo inferior, a solução é tentar voltar toda a atenção para a parte superior. Evitando passar maquiagem na parte inferior, principalmente o lápis preto, pois isso só intensifica mais ainda o caidinho dos olhos. Trabalhe a área superior, sempre de maneira a levantar o olhar. Procure reconstruir o amendoado dos olhos, aplicando a sombra mais escura voltada para o canto externo superior dos olhos, ultrapassando a área da pálpebra e do côncavo, criando um efeito de “olhos de gatinho”. O delineador também deverá ser aplicado na direção final da sobrancelha, sempre puxando para cima nos cantos externos. O traçado pode ser mais fino, quase imperceptível na parte interna dos olhos e ir engrossando até a parte externa, ou simplesmente começa a partir da metade dos olhos. Reforce a sobrancelha e aplique um pouco de iluminador logo abaixo dela. Capriche no rímel nos cílios superiores, principalmente na parte externa e iluminador no canto interno dos olhos.

Escolhendo a Sombra certa para cada cor de pele

 

Pele Clara

A pele clara não suporta uma maquiagem pesada. Use sempre uma maquiagem de textura mais leve, deixando um acabamento mais fino. Tome muito cuidado ao escolher a sombra, pois as peles muito claras ficam muito dramáticas como preto. Use se possível as cores como bege, marrom, pêssego, caramelo, amarelo, laranja, rosa e lilás são ideais para peles claras. O verde e o azul também, mas as loiras mais claras devem optar para um verde mais ferroso, ou mesmo o verde água.

Pele Morena Clara

A pele morena clara já consegue suporta uma maquiagem mais pesada do que a pele clara. Mas aconselhamos sempre investir em texturas mais leves, que deixam o acabamento mais fino. O preto e o grafite ficam muito bem nesse tom de pele quando aplicado na medida certa. Para ascender essa pele é preciso usar cores vivas e acesas como: rosa, vermelho, marrom quente, verde, salmão e azul, são ótimas cores para ascender o olhar.

Pele Morena

A pele morena por sua vez  já suporta  uma Make mais pesada do que a morena clara. Mas mesmo assim invista sempre em uma textura  leve, que sempre deixa o acabamento mais fino. O preto sempre fica lindo se aplicado na medida certa, mas as cores: marrom, dourado, chocolate, bronze e oliva, café e vinho, ficam ótimas.

Pele Negra

A pele negra suporta uma maquiagem mais pesada do que a morena. A maquiagem mais pesada que proporciona uma boa cobertura e uma maior fixação. Para olhos as cores amora, ameixa, vinho, preto, café, bronze, dourado e chocolate fazem uma combinação perfeita.

Pele Asiática e Oriental

Esse tipo de pele suporta uma maquiagem mais pesada do que a Pele morena, mas sempre prefira a de textura mais leve pelo acabamento mais fino. Para os olhos use as cores preto, marrom, malva, prata, cinza e azul marinho para definir.

Fazendo de sua Sombra um Delineador

Usando um pincel e uma sombra é possível substituir o delineador, se torna mais fácil de aplicar da pra variar bastante as cores da maquiagem.

Mãos na massa, pegue um pincel chanfrado, com corte na diagonal, umedeça um pouco a ponta do pincel e encoste na sombra, comece do meio da pálpebra e vá até o canto; depois, vá do canto interno até o meio. Fica incrível!

Corrigindo a Sobrancelha com a Sombra

 

Por mais que sua sobrancelha seja perfeita, com falha ou bem definida e desenhada. É sempre bom finaliza-las com um pouco de cor. Ao usar a sombra para sobrancelha é capaz de deixa-la mais bonita e bem acabada, mas também tem a função de cobrir falhas ou evidenciá-la, delineando e destacando o olhar. A cor de sombra mais indicada para preencher as sobrancelhas é a de fundo acinzentado, isso porque ela deixa o efeito mais natural possível. Outra cor que funciona muito bem para peles morenas e negras é o marrom e suas derivações.  Para peles loiras use o ocre, um tom dourado que lembra um pouco o ouro velho. Para peles negras nunca deve ser utilizado a cor preta, pois deixa um efeito artificial, escolha uma cor fosca e não metálica.
Na hora de aplicar a sombra certifique-se de a cor escolhida seja um nível mais escuro do que a cor do pelo. Para maquiar a sobrancelha, aplique a sombra em pouca quantidade e esfume com um pincel macio, próprio para este fim. Para finalizar penteie os fios com uma escovinha própria ou um aplicador de rímel antigo e seco sem produto algum.

Pó Compacto – Item fundamental em uma boa maquiagem

Uma maquiagem bonita começa pela preparação da pele e o pó compacto é um item muito importante nessa etapa da maquiagem, porém ao escolher a cor errada, podemos colocar tudo a perder. Na hora de escolher a sua cor de pó compacto o ideal é testar no seu próprio rosto. É bem simples: aplique um pouco do produto na lateral do rosto, próximo do osso inferior do maxilar. Se você não notar nenhuma diferença entre a cor da pele e a cor do produto esse é o escolhido.

Aplicação do Pó Compacto

O pó compacto serve para dar o acabamento da maquiagem em sua pele, ajudando a segurar a maquiagem por mais tempo e tirando o brilho excessivo, por isso se torna de uso obrigatório para pessoas que possuem peles oleosas, mas pode e deve ser usado por todos os tipos de peles.

Pode ser aplicado com pincel ou esponja, fazendo movimentos suaves, cuidado com o excesso de pó que pode realçar ruguinhas de expressão e dando um aspecto não natural.

Para evitar erros na aplicação do pó, aplique em toda área conhecida como zona T do rosto (Testa, Nariz e Queixo) e muito pouco abaixo dos olhos para fixar o corretivo. Os especialistas aconselham evitar aplicar nas outras áreas do rosto, pois pode dar um resultado bem artificial.

Base Líquida – Como Escolher a Base Ideal

 

Base Líquida

 

A base é um item indispensável na hora da maquiagem. Além de unificar a pele, deixando-a com a aparência homogênea, a aplicar a base é o primeiro passo antes de fazer a maquiagem propriamente dita. Com ela, você consegue deixar sua pele lisinha, escondendo imperfeições como espinhas, manchas e olheiras. Mas antes de utilizar a base no rosto, é importante saber como escolher o tipo ideal para a sua pele.

Escolher o tom certo da base faz toda a diferença no resultado final da maquiagem. A cor da base não deve ser nem acima nem abaixo da cor natural da pele. O melhor a fazer é ir até a loja de cosméticos e testar no próprio rosto as inúmeras opções que existem.

Como escolher a Base Ideal?

Uma das grandes dúvidas das mulheres é escolher a base ideal na hora de se maquiar. O tom da base deve ser escolhido  tendo como base a parte mais bronzeada do corpo. Muitas mulheres costumam comprar bases mais claras que a pele, mas isso compromete o resultado final do look, o rosto fica muito branco, destoando do colo, ombro, pescoço e braços, que quase sempre estão mais bronzeados. A dica é colocar um pingo do produto na lateral do rosto, entre a base da orelha e o canto da boca. Espalhe bem e veja qual combinará e ficará melhor com o rosto.

Tipos?

Existem vários tipos de base, as Cremosa, Líquidas, Oil Free (livres de óleos), Hidratantes, Alta Cobertura, BB Cream (reúne vários produtos nele, Prime, Hidratante, Filtro Solar e Base em pó), cobertura leve, média, e até mesmo com fator de proteção solar.

Para cada tipo de pele, existe um tipo de base, e escolher a base ideal para o  seu tipo de pele é fundamental para fazer a make!

Para peles oleosas e/ou acneicas-  é recomendado usar bases oil free e de cobertura maior;

Para peles secas – bases hidratantes;

Para peles normais – bases de cobertura leve e suave.

É preciso testar bases específicas para cada tipo de pele, a base certa irá durar mais tempo na sua pele, deixar uma aparência muito boa.

Erros comuns na hora de escolher a base



Testar a Base no dorso da mão – A cor da mão pode ser completamente diferente do seu rosto, além da textura da pele, manchas, acnes, oleosidades e você não tem isso na mão. Você pode testar a textura da base na mão, e verificar se tem reação alérgica, mas na hora da cor tem que ser no rosto.

Testar apenas uma base – Você vai pagar por aquele produto, que não é nem um pouco barato, e acertando no tom, você irá usar aquilo por muito tempo e comprar mais vezes, portanto, não tenha medo de cara feia de vendedora com pressa de vender na hora de escolher sua base, teste todas as bases da loja se precisar,  porque é a SUA pele que estará na mira para um produto, e  você não vai levar qualquer coisa.

Aplicação da Base



Você pode aplicar com as mãos ou com pincel para base, mas o importante é espalhar de forma suave para que a base não fique acumulada em alguma região do rosto. Passe aos poucos, fazendo leve massagem e sempre controlando a quantidade. Lembre-se a melhor preparação é não descuidar do cuidado diário como rosto. Uma pele limpa e hidratada recebe melhor uma maquiagem.

Águia ou Galinha? O que você é ?

aguia-voando-wallpaper

Essa parábola é maravilhosa, pode ser extraída diversas lições, nós do Diamonds  Clube, te convidamos profissional de MMN a ler e refletir. nos últimos 2 anos muitos profissionais que nasceram para o MMN como verdadeiras águias, foram criados como galinhas por diversos falsos líderes e falsas empresas de MMN “Piramideiros e Piramides” , sem falar nas empresas de vendas diretas que exploram seus distribuidores com planos de marketing que são um verdadeiro “pau de sebo“, punhados de milhos para milhares de águias ciscarem como galinhas, mas esses “criadores de galinhas” podem se preparar, os naturalistas do Diamonds Clube Novety, com o apoio dos Diamantes e Consultores do Grupo Diamonds Brazil e os verdadeiros Líderes e as Verdadeiras empresas de MMN, vão trabalhar constantemente para liberta a águia de cada um de vocês, que está no estado de “galinha”. Esperamos que após essa parábola você consiga descobrir sua real situação e decida ir para o topo.

 

“Era uma vez um camponês que foi à floresta vizinha apanhar um pássaro, a fim de mantê-lo cativo em casa. Conseguiu pegar um filhote de águia.

Colocou-o no galinheiro junto às galinhas. Cresceu como uma galinha.
Depois de cinco anos, esse homem recebeu em sua casa a visita de um naturalista.
Enquanto passeavam pelo jardim, disse o naturalista:
– Esse pássaro aí não é uma galinha. É uma águia.
– De fato, disse o homem.- É uma águia. Mas eu a criei como galinha. Ela não é mais águia. É uma galinha como as outras.
– Não, retrucou o naturalista.- Ela é e será sempre uma águia. Este coração a fará um dia voar às alturas.
– Não, insistiu o camponês. Ela virou galinha e jamais voará como águia.
Então decidiram fazer uma prova. O naturalista tomou a águia, ergueu-a bem alto e, desafiando-a, disse:
– Já que você de fato é uma águia, já que você pertence ao céu e não à terra, então abra suas asas e voe!
A águia ficou sentada sobre o braço estendido do naturalista. Olhava distraidamente ao redor. Viu as galinhas lá embaixo, ciscando grãos. E pulou para junto delas.
O camponês comentou:
– Eu lhe disse, ela virou uma simples galinha!
– Não, tornou a insistir o naturalista. – Ela é uma águia. E uma águia sempre será uma águia. Vamos experimentar novamente amanhã.
No dia seguinte, o naturalista subiu com a águia no teto da casa.
Sussurrou-lhe:
– Águia, já que você é uma águia, abra suas asas e voe!
Mas, quando a águia viu lá embaixo as galinhas ciscando o chão, pulou e foi parar junto delas.
O camponês sorriu e voltou a carga:
– Eu havia lhe dito, ela virou galinha!
– Não, respondeu firmemente o naturalista. – Ela é águia e possui sempre um coração de águia. Vamos experimentar ainda uma última vez. Amanhã a farei voar.
No dia seguinte, o naturalista e o camponês levantaram bem cedo. Pegaram a  águia, levaram-na para o alto de uma montanha. O sol estava nascendo e
dourava os picos das montanhas.
O naturalista ergueu a águia para o alto e ordenou-lhe:
– Águia, já que você é uma águia, já que você pertence ao céu e não à terra, abra suas asas e voe!
A águia olhou ao redor. Tremia, como se experimentasse nova vida. Mas não voou. Então, o naturalista segurou-a firmemente, bem na direção do sol, de sorte que seus olhos pudessem se encher de claridade e ganhar as dimensões do vasto horizonte.
Foi quando ela abriu suas potentes asas.
Ergueu-se, soberana, sobre si mesma. E começou a voar, a voar para o alto e voar cada vez mais para o alto.
Voou. E nunca mais retornou.”
Existem pessoas que nos fazem pensar como galinhas. E ainda até pensamos que somos efetivamente galinhas. Porém é preciso ser águia. Abrir as asas e voar. Voar como as águias. E jamais se contentar com os grãos que jogam aos pés para ciscar.”

Essa parábola é maravilhosa, pode ser extraída diversas lições, nós do Diamonds  Clube, te convidamos profissional de MMN a ler e refletir. nos últimos 2 anos muitos profissionais que nasceram para o MMN, verdadeiras águias, foram criados como galinhas por diversos falsos líderes e falsas empresas de MMN “Piramideiros e Piramides” , sem falar nas empresas de vendas diretas que exploram seus distribuidores com planos de marketing que são um verdadeiro “pau de sebo”, punhados de milhos para milhares de águias ciscarem como galinhas, mas esses “criadores de galinhas” podem se preparar, os naturalistas dos Diamonds Clube Novety, com o apoio dos Diamantes e Consultores do Grupo Diamonds Brazil e os verdadeiros Líderes e as Verdadeiras empresas de MMN, vão trabalhar constantemente para liberta a águia de cada um de vocês, que está no estado de “galinha”.